Scifiworld

Forever - mais do mesmo e tudo em um

el  Monday, 10 November 2014 08:00 Written by 

Teve início no fim de Outubro no AXN uma série que poderá ser do interesse de muitos dos nossos leitores.

Forever” tem um pouco de várias séries e filmes que fomos vendo ao longo dos anos e nem é preciso pensar no previsível “Ressurection”. Vejamos alguns exemplos:

  • Um médico legista/investigador da morte que se envolve nos casos como em “Crossing Jordan”/"Bones” ou, também no reino do sobrenatural,“Tru Calling”.
  • Uma polícia que se vê obrigada a arrastar uma ajuda tão preciosa como incómoda e desconcertante: "The Mentalist", "Castle".
  • Uma investigação policial que depende muito de memórias e flashbacks como em “Cold Case”.
  • A loja de antiguidades como ligação à intemporalidade como vimos em “The Ghost Wisperer”.
  • Henry pelos seus conhecimentos médicos e capacidade de dedução é um misto de Watson e Sherlock.
  • Henry Thomas é imortal. Por isso tem uma vida longa e teve tempo para aprender. Como Phil em “Groundhog Day”.

A lista pode continuar por muito tempo, já sabemos o desfecho. Parece ser daquelas séries que pega numa ideia boa e a estica ao limite por uma ou duas temporadas até levar uma machadada do canal quando o público desistir. Por isso aplicaram o truque do costume: um némesis que o quer destruir - como vimos em “Unbreakable” - para dar emoção e uma leve continuidade.

E mesmo sabendo isso tudo, vai funcionar por um motivo que foi referido acima. Tal como em “The Mentalist” e “Castle”, a mulher polícia forte e independente e o ajudante charmoso com teorias loucas, são uma receita demasiado eficaz para ignorar. O equilíbrio entre a investigação policial, a ivestigação pessoal, a dor trazida pelos fantasmas do passado, os toques de humor para descontracção e as histórias paralelas vividas um séculos antes, ditarão o sucesso que a série terá. Por enquanto tem uma temporada completa para mostrar o que vale.

{youtube}-JmVnyJ16d4{/youtube}

A equipa

Ioan Gruffudd está acostumado a personagens sonantes, tendo sido o Lancelot de "King Arthur" e Mr. Fantastic nos "Fantastic 4". Quando era menos importante tinha uma relação importante com a água, sendo o marinheiro Hornblower da saga de tele-filmes homónimos e um oficial do "Titanic". Agora, nasce na água. Vezes infinitas.

Ao seu lado, Alana De La Garza pode ser um nome difícil de reconhecer à primeira. Todavia, a actriz faz parte da história televisiva recente, pelo menos nos policiais. Foi a Procuradora Rubirosa de "Law & Order" e Marisol Delko em “CSI Miami”. Finalmente sai para o terreno como investigadora da polícia nova-iorquina.

Judd Hirsch tem uma carreira longa e variada em cinema e televisão, que tanto passou por uma nomeação a Oscar por “Ordinary People” e sete a Golden Globes (seis de televisão e outro pelo mesmo filme), como por uma participação em “Sharknado 2”. Aqui é o cúmplice/ajudante/filho/pai que toma conta de Henry.

Entre os actores secundários, destacaria Joel David Morse que trocou um lugar na equipa forense de “Bones” por um neste gabinete de autópsias, com uma personagem igualmente despistada, e talvez um pouco menos genial.

Leave a comment

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.

Mais Vistos

 

C/ Celso Emilio Ferreiro, 2 - 4°D
36600 Vilagarcía de Arousa
Pontevedra (España)

Redacción: 653.378.415

info@scifiworld.es

Copyright © 2005 - 2023 Scifiworld Entertainment - Desarrollo web: Ático I Creativos